Close
EncontroIrradiativoTitle

Um evento para celebrar e discutir a diversidade e a representatividade na literatura especulativa brasileira e na cultura pop.

Porque as naves espaciais e o outro lado do espelho devem pertencer a todos.


O Encontro Irradiativo é uma continuação do movimento começado pelo Manifesto Irradiativo, escrito por Jim Anotsu e Alliah. O manifesto nasceu porque não aguentamos mais a hostilidade, a violência e a ignorância em espaços que deveriam ser inclusivos, diversos e seguros.


O Manifesto Irradiativo é nosso grito por diversidade, visibilidade e representação. Porque pessoas de todos os gêneros, sexualidades, cores, biotipos, religiões, neurodiversidades, e camadas socioeconômicas marginais merecem espaço na literatura especulativa nacional como personagens, escritores, ilustradores, editores, e demais profissionais do mercado editorial.


O evento terá mesas, workshop, palestra, desfile de crossplay, uma exposição de ilustradoras e um stand de livros à venda (com os autores presentes para sessão de autógrafos) durante os dois dias.


Nosso encontro vai acontecer na Biblioteca Viriato Corrêa, na Vila Mariana, em São Paulo. A entrada é franca e todas as atividades do evento são gratuitas. Veja a programação dividida em mesas e atividades abaixo ou clique aqui para visualizar uma versão simplificada em .pdf que você pode imprimir e levar com você.
Prog_title
Mesas_title
abertura
Abertura: "Irradiar diversidade: Os motivos do Manifesto Irradiativo"

Sábado, dia 07/11. 14h às 15h.


Com Alliah, Jim Anotsu e Ana Cristina Rodrigues.

Alliah ou Vic é pessoa trans de gênero fluido, queer, escritora e artista visual. Com Jim Anotsu, escreveu o Manifesto Irradiativo por diversidade na literatura especulativa nacional. Vive no avesso do infinito e é viciado em tecnologia.

Jim Anotsu ama orcas, alface e música. Trabalha numa editora. Emo, rapper e vegetariano. Autor de Rani e o Sino da Divisão, Annabel & Sarah, A Morte é Legal, e outras coisas. Foi idealizador do Manifesto Irradiativo em conjunto com Alliah.

Ana Cristina Rodrigues é escritora, editora, tradutora e historiadora. Sempre se preocupou com a falta de voz das mulheres na literatura fantástica brasileira. Mora em Niterói, na companhia de um número flutuante de animais, além do marido e do filho.

mesa1_sabado
Mesa: "A formação da diversidade: Representação para crianças e jovens"

Sábado, dia 07/11. 15h às 16h.


Com Jim Anotsu, Fábio Kabral, Estevão Ribeiro e Nanda Café.

Jim Anotsu ama orcas, alface e música. Trabalha numa editora. Emo, rapper e vegetariano. Autor de Rani e o Sino da Divisão, Annabel & Sarah, A Morte é Legal, e outras coisas. Foi idealizador do Manifesto Irradiativo em conjunto com Alliah.

Fábio Kabral é escritor macumbeiro que adora horóscopo, gibis e chocolate. Autor do livro Ritos de Passagem, atualmente está escrevendo a série Afrofuturismo. É profissional de mídias sociais e herói com rosto africano.

Estevão Ribeiro é escritor, ilustrador e roteirista, e trocou o Espírito Santo pelo Rio de Janeiro há oito anos. Criador da tira Os passarinhos, ganhou o troféu HQMix pelo álbum infanto-juvenil Pequenos Heróis. Busca sempre denunciar os preconceitos e injustiças que sofre por causa de sua cor e origem.

Nanda Café é jornalista, mãe do Benjamin, editora e fundadora do Pac Mãe, onde escreve sobre empoderamento feminino e infantil através da representatividade na cultura pop.

mesa2_sabado
Mesa: "Os malefícios dos estereótipos: A ‘personagem feminina forte’, o ‘melhor amigo gay’, o ‘negro que é o engraçado da turma’"

Sábado, dia 07/11. 17h às 18h.


Com Germana Viana, Rober Pinheiro, Alliah e Cecihoney / Cecilia Souza Santos.

Germana Viana é quadrinista, autora de Lizzie Bordello e as Piratas do Espaço e integrante do coletivo de quadrinhos CBGib. Ela também trabalha com ilustração, letreiramento e design para editoras como a Panini e a Jambô.

Rober Pinheiro é publicitário, gestor de projetos, tradutor e (eventualmente) escritor. Coorganizou o projeto A Fantástica Literatura Queer que, em 4 volumes publicados, reuniu histórias que mesclavam universos fantásticos à temática LGBTT. Atualmente é editor do site Quotidianos, dedicado a pequenas histórias fantásticas.

Alliah ou Vic é pessoa trans de gênero fluido, queer, escritora e artista visual. Com Jim Anotsu, escreveu o Manifesto Irradiativo por diversidade na literatura especulativa nacional. Vive no avesso do infinito e é viciado em tecnologia.

Cecihoney / Cecilia Souza Santos é moça trans trabalhando há cerca de 7 anos com pixelart para games e outros projetos. Ex-fanzineira que pretende retomar as HQs.

mesa1_domingo
Mesa: "Fandons e diversidade: Por que nerds são preconceituosos?"

Domingo, dia 08/11. 14h às 15h.


Com Eva Morrissey, Gi Pausa Dramática, Ale Santos e Jana P. Bianchi.

Eva Morrissey / Evelini C. Andrade. Tradutora, revisora, blogueira de RPG. Tradutora da editora New Order, uma das organizadoras do 1º Encontro das Mulheres RPGistas e moderadora do grupo O Lado Esquerdo da Força no Facebook, voltado para discutir assuntos nerds sem ser vítima de agressão ou opressão de nenhum tipo.

Gi Pausa Dramática é revisora, graduanda em Letras com apreço por estética do século XIX, danças do início do XX e livros de um futuro distante. Membro do Conselho Steampunk, oscila entre figurinos originais e cosplays em ensaios fotográficos e eventos, além de colaborar com resenhas no blog Sem Serifa.

Jana P. Bianchi é desenhista, viajante, escritora e coordenadora de projetos do Clube de Autores de Fantasia. Nas horas (não) vagas, atua como engenheira de projetos e processos industriais. Dos quatorze países que já conheceu, trouxe inúmeras histórias como souvenires.

Ale Santos é publicitário, blogger e escritor de scifi. Sua produção está presente na antologia mundial da Intel e atualmente é autor da Storytellers Brand’Fiction.

mesa2_domingo
Mesa: "A diversidade na cultura pop brasileira: Um balanço"

Domingo, dia 08/11. 15h30 às 16h30.


Com Ana Cristina Rodrigues, Cláudia Fusco e Eric Novello.

Ana Cristina Rodrigues é escritora, editora, tradutora e historiadora. Sempre se preocupou com a falta de voz das mulheres na literatura fantástica brasileira. Mora em Niterói, na companhia de um número flutuante de animais, além do marido e do filho.

Cláudia Fusco é jornalista e mestre em estudos de ficção científica pela Universidade de Liverpool, Inglaterra. Atualmente trabalha com mídias sociais, dá palestras sobre literatura fantástica e cinema e produz o Tô Lendo, um desafio de não comprar livros durante um ano, no YouTube.

Eric Novello é autor, tradutor e exorcista. Seus livros mais recentes são Exorcismos, Amores e Uma Dose de Blues e Neon Azul. Diversidade sexual e abordagens positivas sobre sexo são temas recorrentes em seus trabalhos.

Encerramento

Domingo, dia 08/11. 17h30.

Ativ_title
Workshop: "Escrevi meu livro, e agora? As armadilhas"


Quando: Sábado (07/11), às 11 horas.

Por: Ana Cristina Rodrigues e Maria Claudia Müller

Escrever um livro pode parecer a parte difícil, mas é o começo da jornada para fazer a sua história chegar ao leitor. Como nem sempre o escritor iniciante tem noção dos obstáculos que irá enfrentar, nesse workshop iremos compartilhar experiências, dúvidas e traumas.

Duração: 2 horas.

Vagas: 15.


Ana Cristina Rodrigues é escritora, editora, tradutora e historiadora. Sempre se preocupou com a falta de voz das mulheres na literatura fantástica brasileira.

Mary C. Müller é designer gráfica com especialização em projetos editoriais. Publicou três livros de forma independente na plataforma WattPad e contos em coletâneas.

Palestra: "Herói com rosto africano - Mitos da África no imaginário do mundo"


Quando: Domingo (08/11), às 11 horas.

Por: Fábio Kabral

Uma palestra sobre o mito africano como cura para o trauma afrodescendente, o poder do mito como resposta para as inquietações da alma e o papel do herói africano.

Duração: 1 hora.


Fábio Kabral é escritor macumbeiro que adora horóscopo, gibis e chocolate. Autor do livro Ritos de Passagem, atualmente está escrevendo a série Afrofuturismo. É profissional de mídias sociais e herói com rosto africano.

Minicurso Online: "Como escrever personagens trans"


Quando: de Segunda (09/11) até Quinta (12/11).

Por: Alliah / Vic

Um minicurso para autores cisgênero que estão escrevendo ou desejam escrever histórias que incluam personagens transgênero. Como pesquisar, estudar, entender, e representar a diversidade de identidades de gênero na ficção (realista ou especulativa, histórica ou contemporânea). E quais recursos e práticas utilizar para fazer isso com respeito e cuidado, sem apropriar ou silenciar a vivência de pessoas trans.


Alliah ou Vic é pessoa trans de gênero fluido, queer, artista visual, e escritora. Vive no avesso do infinito e é viciado em tecnologia.

Inscreva-se
Crossplay_title
Fotos de Lais Faccin.


Quando: Domingo (08/11), às 16:30h.

Com o objetivo de mostrar que um bom cosplay pode ser feito independente da identificação física com a referência, serão aceitos no desfile cosplays cujos personagem difiram do cosplayer em gênero (crossplay), raça, biotipo e aptidões físicas.

Organização: Gi Pausa Dramática.

Inscrições na hora.


Fotos de Lais Faccin. Confira a página dos cosplays de Lais no Facebook.

Expo_title

Desenhe Como Uma Garota: A Mulher No Mercado De Arte Geek/Nerd

minasnerds


Curadoria

Gabi Franco, Daniele Rios Boleeiro, Germana Vianna e Priscila de Paula


O coletivo MinasNerds foi criado para garantir representatividade, destacar e fomentar o trabalho de mulheres ilustradoras nesse meio, em termos de cooperação laboral, organização, troca de experiências, e apresentação de novos talentos.

É com muita honra que apresentamos o trabalho maravilhoso dessas mulheres que abrilhantam o mercado de ilustração no Brasil. Que ele sirva para estimular outras mulheres, demonstrando talento e competência, enriquecendo e diversificando o setor.

Ilustradoras

Adriana Melo
Alline Pontes
Bianca Pinheiro
Camila Torrano
Carolina Porfírio
Cecilhoney / Cecília Souza Santos
Dandi / Daniele Rios Boleeiro
Fefê Torquato


Germana Viana
Julia Bax
Laura Athayde
Ligia Duque
Lu Cafaggi
Priscila de Paula / Pri Wii
Psonha Camacho
Rafaella Bueno
Rebeca Prado

Organizadores

alliah_avatar
Alliah / Vic

Pessoa trans de gênero fluido, queer, escritora e artista visual. Autora e ilustradora do livro de contos Metanfetaedro. Com Jim Anotsu, escreveu o Manifesto Irradiativo por diversidade na literatura especulativa nacional. Vive no avesso do infinito e é viciado em tecnologia.

www.alliahverso.com.br

jim_avatar
Jim Anotsu

Ama orcas, alface e música. Trabalha numa editora. Emo, rapper e vegetariano. Autor de Rani e o Sino da Divisão, Annabel & Sarah, A Morte é Legal, e outras coisas. Foi idealizador do Manifesto Irradiativo em conjunto com Alliah.

www.jimanotsu.tk

 

anacris_avatar
Ana Cristina Rodrigues

Escritora, editora, tradutora e historiadora. Sempre se preocupou com a falta de voz das mulheres na literatura fantástica brasileira. Mora em Niterói, na companhia de um número flutuante de animais, além do marido e do filho.

talkativebookworm.wordpress.com

 

APOIO

logo_dark
logo-aleph_branco
logo_ciadasletras
balao_logo
logo_darkside
logo_rocco
autentica-logo

Local


O Encontro Irradiativo vai acontecer na Biblioteca Viriato Corrêa, que se encontra na Rua Sena Madureira, 298. Vila Mariana – 04021-050. São Paulo, SP.


Dúvidas sobre como chegar até o local? Acesse esse link para instruções.